Los Angeles (EUA), 20 jan (EFE).- O cantor e guitarrista John Mayer confessou que ainda não superou o fim de seu relacionamento com a atriz Jennifer Aniston, marcado por constantes rumores de rompimentos, reconciliações e até planos de casamento.

Em entrevista à próxima edição da revista "Rolling Stone", Mayer, de 32 anos, afirmou que não para de pensar no fim do namoro com a ex-mulher de Brad Pitt.

"De verdade, nunca superei (a separação)", afirmou. "Foi um dos piores momentos da minha vida", acrescentou Mayer, cuja relação com a ex-protagonista da série "Friends" começou em abril de 2008 e terminou em março de 2009.

Desde então, segundo o artista, sua vida sexual e sentimental se limita a ser constantemente rejeitado nos lugares para os quais sai.

Sobre a carreira, Mayer falou que prefere "Continuum", seu disco mais antigo, a "Battle Studies", o mais recente. "Sei que supostamente deveria dizer que o novo é o melhor. Bobagem", declarou.

O cantor e guitarrista disse ainda que desfruta dos prazeres de uma vida entregue à sessões de maconha e videogame, embora sonhe em encontrar o par ideal.

"Estou em busca do 'Joshua Tree' das vaginas", comentou. "Ficarei contente quando dar essa questão por encerrada em minha vida", acrescentou. EFE mg/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.