Los Angeles (EUA.), 14 jan (EFE).

- A artista americana Jennifer Hudson cantará o hino nacional dos Estados Unidos no Super Bowl de futebol americano, que será realizado em 1º de fevereiro, em sua primeira aparição pública após a morte da mãe, do irmão e do sobrinho em outubro.

A Liga Nacional de Futebol Americano (NFL) informou que a cantora e atriz tomará o lugar já ocupado em anos anteriores por astros como Billy Joel, Neil Diamond, Whitney Houston, Garth Brooks e Beyoncé.

Bruce Springsteen e a E Street Band também se apresentarão no intervalo do jogo, que será disputado em Tampa, Flórida.

Cinco dias depois, Jennifer voltará a subir nos palcos de Los Angeles em uma homenagem ao americano Neil Diamond, antes da cerimônia dos prêmios Grammy.

O Super Bowl será televisionado para 230 países. A partida do ano passado atraiu um público de 148 milhões de espectadores apenas nos Estados Unidos, segundo a NFL.

Um júri confirmou no final de dezembro as acusações de assassinato contra William Balfour, casado com Lisa, irmã da artista, e acusado pela Promotoria de matar três membros da família de Jennifer.

O júri aprovou três acusações de assassinato e uma de invasão de domicílio. Balfour comparecerá à Justiça em 20 de janeiro. EFE mg/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.