Japoneses inventam robô que sorri

Cientistas japoneses da Universidade de Osaka apresentaram neste sábado um robô andróide que pode sorrir, além de imitar as expressões faciais de uma pessoa, uma criatura que será testada em um hospital para fazer companhia aos enfermos.

AFP |

O professor Hiroshi Ishiguro, que já imaginou uma família de robôs com rosto humano, entre eles um que é quase seu clone, se disse satisfeito com a naturalidade da nova mulher artificial.

"Uma nova tecnologia sempre desperta temores e opiniões negativas", disse, antes de explicar que a equipe que coordena desejava construir robôs com capacidade de expressar emoções.

AFP
Robô japonês (dir) que imita sensações humanas, como o sorriso


Durante uma demonstração, o andróide de cabelo castanho e vestido com uma saia negra, sorriu e franziu a testa em sinal de irritaçãom, de modo quase simultâneo ao de uma jovem de 20 anos que serviu de modelo.

Uma câmera filmava as expressões da jovem e as transmitia ao robô por meio de sinais elétricos.

"Tive a impressão de ter uma irmã gêmea", declarou a modelo.

O robô será vendido por 10 milhões de ienes (108.000 dólares).

O andróide, chamado Geminoid-TMF, será usado de forma experimental por um hospital para fazer companhia aos pacientes.

    Leia tudo sobre: japãorobô

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG