Japão: Vazamento de água com radioatividade cessou, diz operadora

De acordo com porta-voz da empresa Tepco, operação para lançar água radioativa ao mar para abrir espaço foi bem-sucedida

iG São Paulo |

A Tokyo Electric Power Company (Tepco), que controla o complexo nuclear japonês de Fukushima Daiichi, anunciou nesta terça-feira que a água com radioatividade que vinha vazando de um dos reatores parou de vazar no oceano.

De acordo com o porta-voz Naoki Tsunoda, a operação da empresa em lançar ao mar toneladas de água radioativa, para abrir espaço para água com uma radioatividade ainda mais elevada que inunda os prédios que abrigam os reatores 1, 2 e 3, foi bem-sucedida.

O vazamento da água contaminada foi descoberto no sábado. A companhia vem lutando há mais de três semanas para retomar o controle da situação, após o terremoto e o tsunami do mês passado terem destruído os sistemas de resfriamento de Fukushima Daiichi.

Escolas

Também nesta terça-feira, autoridades da província de Fukushima deram início a um programa de emergência para medir os níveis de radiação em playgrounds de escolas. Mais de 1,4 mil escolas e creches serão testadas durante dois dias, em meio à ansiedade dos pais sobre o vazamento de radiação da usina nuclear.

A usina foi seriamente danificada pelo tremor de magnitude 9 e pelo tsunami que atingiram a região no dia 11 de março. Segundo as autoridades locais, não há riscos para a saúde das crianças se elas forem mantidas fora da área de exclusão de 30 quilômetros no entorno da usina.

AP
Funcionários do governo medem radiação no solo de escola de Fukushima
*Com AP e BBC

    Leia tudo sobre: japãoterremototremortsunamiusina nuclear

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG