Japão prepara robôs para assumirem a cozinha

Por Anna Yokoyama TÓQUIO (Reuters Life!) - Alguns limpam, outros servem bebidas. Portanto, é apenas uma questão de tempo para os inventores japoneses desenvolverem robôs capazes de cozinhar.

Reuters |

Vários protótipos de chefs-robôs mostraram suas habilidades culinárias na Exposição Internacional de Maquinaria e Tecnologia de Alimentos de Tóquio nesta semana, fazendo panquecas japonesas "okonomiyaki", servindo sushis e fatiando hortaliças.

"Todos nós sabemos que os robôs podem ser muito úteis", disse Narito Hosomi, presidente da Toyo Riki, fabricante do robô que faz panqueca.

O Japão tem uma das populações do mundo que mais rápido envelhecem, e especialistas dizem que os robôs poderão ajudar a cuidar do número crescente de idosos e suprir a ausência de jovens dispostos a trabalharem como cozinheiros, faxineiros ou cuidadores.

Masanori Hirano, do laboratório Squse, de Kyoto, que desenvolveu um garçom andróide que serve sushi, disse que os robôs podem ajudar a controlar o estresse associado aos estabelecimentos mais refinados.

"Se um humano faz esse trabalho, pode ser estressante. E, se isso acontecer, eles podem deixar o trabalho para o robô", disse ele.

O Japão abriga quase a metade dos 800 mil robôs industriais do mundo e espera que a indústria cresça para 10 milhões de dólares.

Tomio Sugiura, presidente da Sugiura Kikai Sekkei, que fabrica o robô que fatia hortaliças, prevê que cada residência terá um robô no futuro próximo.

"Atualmente quase toda família tem um carro. No futuro próximo, toda família terá um robô humanóide capaz de ajudar em diversas tarefas da casa", afirmou.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG