Japão prepara defesas contra foguete norte-coreano

TÓQUIO - O Japão determinou na sexta-feira que seus militares se preparem para interceptar eventuais destroços perigosos que possam atingir seu território caso algo dê errado no lançamento de um foguete da Coreia do Norte.

Reuters |

Pyongyang diz que pretende colocar um satélite de comunicações em órbita entre os dias 4 e 8 de abril. Os EUA e seus aliados asiáticos acreditam que na verdade se trate de um teste disfarçado do míssil de longo alcance Taepodong-2. O foguete já está na plataforma de lançamento, em uma base no leste da Coreia do Norte.

"Emiti uma ordem para que estejamos preparados para destruir qualquer objeto que possa cair sobre o Japão, como resultado de um acidente envolvendo um objeto voador da Coreia do Norte", disse a jornalistas o ministro da Defesa, Yasukazu Hamada.

O regime norte-coreano informou a entidades internacionais que o foguete deve passar sobre o Japão, deixando cair seus propulsores a leste e a oeste do arquipélago. Pyongyang alerta que vai considerar o eventual abate do foguete como um ato de guerra.

Hamada reiterou o apelo do Japão para que o recluso regime comunista cancele o lançamento, e disse que Tóquio fará de tudo para proteger o povo japonês. Mas salientou que o país só agirá se o objeto efetivamente ameaçar cair em seu território.

Leia também:


Leia mais sobre Coreia do Norte

    Leia tudo sobre: coreia do nortecoréia do norte

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG