rebatizada de gripe A H1N1) ." / rebatizada de gripe A H1N1) ." /

Japão fecha escolas após confirmar 92 novos casos de gripe no país

TÓQUIO - As autoridades japonesas fecharão temporariamente mais de mil escolas das províncias de Osaka e Hyogo (centro do Japão), após a confirmação de 92 casos de contágio interno no país pela gripe suína (http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2009/04/30/oms+decide+mudar+nome+da+gripe+suina+5867916.html target=_toprebatizada de gripe A H1N1) .

EFE |

Segundo a agência de notícias "Kyodo", o Japão confirmou até agora 39 casos de contágio interno desta nova gripe em Osaka e 45 em Hyogo, que em sua maioria afetam estudantes de todas as idades, assim como vários professores.

Os primeiros casos de contágio no Japão, entre pessoas que não viajaram ao estrangeiro, foram confirmados no sábado na província de Hyogo.

"Temos que estar completamente preparados para prevenir que as infecções se espalhem", disse ontem o ministro porta-voz do Governo japonês, após multiplicarem-se os casos de gripe suína em território japonês durante o fim de semana.

As autoridades locais das duas províncias afetadas anunciaram que mais de mil creches e escolas de educação elementar, primária e secundária suspenderão as aulas temporariamente após a confirmação dos últimos casos.

O governador de Osaka, Toru Hashimoto, pediu também a lugares de grande afluência de público, tais como cinemas, que suspendam de forma temporária seus serviços para ajudar a controlar a extensão da nova gripe.

Os funcionários dos transportes públicos, supermercados e outros comércios da província de Hyogo começaram a usar máscaras protetoras para trabalhar.

Os mais de 90 casos registrados este fim de semana se unem aos quatro já confirmados durante os exames médicos realizados no aeroporto de Tóquio-Narita, em um grupo de estudantes que retornava de uma viagem de estudos no Canadá.

Um especialista da Organização Mundial da Saúde citado pela "Kyodo" disse que é possível que tenha começado a transmissão da nova gripe em nível comunitário no Japão, algo que poderia levar o organismo a elevar para seis o nível de alerta sobre a epidemia.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados.

Entenda a "gripe suína"

Leia mais sobre: gripe suína

    Leia tudo sobre: gripe suína

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG