Japão e Rússia definem diálogo intensivo para resolver conflito das Curilas

Lima, 23 nov (EFE).- O primeiro-ministro do Japão, Taro Aso, e o presidente russo, Dmitri Medvedev, decidiram impulsionar um diálogo intensivo com vistas a resolver a disputa territorial pelas ilhas Curilas, informou hoje a imprensa peruana.

EFE |

Aso e Medvedev se reuniram no sábado à noite, em Lima, onde os dois assistem à Cúpula de Líderes do Fórum de Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec), que termina hoje.

A iniciativa para um diálogo "intensivo" com vistas a um tratado de paz partiu de Aso e encontrou apoio em Medvedev, segundo o jornal "La República".

Além disso, os dois governantes definiram que o primeiro-ministro russo, Vladimir Putin, visite Japão no próximo ano.

Em 5 de novembro, Japão e Rússia se comprometeram a continuar buscando uma "solução aceitável para os dois países" em suas disputas territoriais sobre as ilhas Curilas, conhecidas no Japão como os Territórios do Norte.

"Estamos prontos para este diálogo e para melhorar nossa confiança e compreensão mútua", disse o ministro de Assuntos Exteriores russo, Serguei Lavrov, que se reuniu naquele dia em Tóquio com o chanceler japonês, Hirofumi Nakasone. EFE ar/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG