Japão critica Coreia do Norte por voltar a produzir plutônio

Tóquio, 27 abr (EFE).- O Governo japonês criticou nesta segunda-feira a Coreia do Norte por anunciar no sábado que tinha reiniciado o processo de produzir plutônio a partir de barras de combustível nuclear.

EFE |

O ministro porta-voz japonês, Takeo Kawamura, indicou que essa decisão do regime comunista de Pyongyang "não é construtiva", mas assinalou que ainda levará um tempo produzir plutônio, segundo a agência local "Kyodo".

"Colaboraremos de perto com os Estados Unidos e outros países para tentar o avanço do processo de seis lados", indicou Kawamura sobre as negociações para a desnuclearização norte-coreana, das quais participam desde 2003 as duas Coreias, EUA, Japão, Rússia e China.

Pyongyang anunciou neste sábado que tinha reiniciado o processo de extrair plutônio em sua usina nuclear de Yongbyon, um dia depois de a ONU lhe impor sanções pelo recente lançamento de um foguete de longo alcance.

Ao mesmo tempo, a Coreia do Norte ordenou a expulsão dos inspetores da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) e dos Estados Unidos que fiscalizavam seu processo de desmantelamento nuclear. EFE psh/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG