Jantar na Casa Branca teve 3 penetras, diz Serviço Secreto

WASHINGTON (Reuters) - Outra pessoa entrou sem ser convidada em um jantar oficial na Casa Branca em homenagem ao premiê indiano, mas não há provas de que ela teve contato com o presidente ou com a primeira-dama, disse o Serviço Secreto nesta segunda-feira. Em um segundo lapso de segurança no evento de 24 de novembro, a pessoa, que não foi identificada, saiu de um hotel de Washington onde estava a delegação indiana e chegou no jantar com o grupo, que estava sob a responsabilidade do Departamento de Estado dos EUA.

Reuters |

"Esse indivíduo passou por todas as medidas de segurança exigidas junto ao restante da delegação oficial no hotel, e entrou em uma van com os convidados da delegação rumo à Casa Branca", disse o Serviço Secreto.

O porta-voz do Serviço Secreto não foi encontrado para dizer se a pessoa teve contato com o premiê indiano Manmohan Singh ou se chegou perto do governante estrangeiro.

A Casa Branca não quis comentar a declaração do Serviço Secreto.

(Reportagem de Patricia Zengerle)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG