calamidade pública - Mundo - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Já são 14 os municípios de Santa Catarina em estado de calamidade pública

Rio de Janeiro, 28 nov (EFE) - Subiu para 14 o número de municípios de Santa Catarina declarados em estado de calamidade pública pelas chuvas que deixaram 100 mortos, informou hoje o Governo estadual. As cidades de Pomerode e Timbó se somaram hoje a Gaspar, Nova Trento, Blumenau, Rio dos Cedros, Camboriú, Luiz Alves, Benedito Novo, Itajaí, Itapoá, Rodeio, Ilhota e Brusque. Com a declaração de calamidade pública, estes municípios terão mais facilidades para receber ajuda financeira e material enviada tanto pelo Governo quanto por empresas e cidadãos de outras regiões do país que se mobilizaram para auxiliar os mais de 78 mil desabrigados pelas chuvas que atingiram o estado. Em um boletim divulgado hoje, a Defesa Civil de Santa Catarina destacou que, até agora, já há 100 mortos e 19 desaparecidos pelas inundações e deslizamentos de terra que se seguiram aos temporais que, no último fim de semana, afetaram o estado. A tragédia afetou especialmente o município de Ilhota, de 11.552 habitantes, dos quais 29 morreram e onde bairros inteiros foram arrasados pelas águas.

EFE |

"Existem localidades que foram totalmente dizimadas. Não se sabe onde ficava a estrada, onde viviam as pessoas, tamanho foi o deslizamento e o volume de terra que desceu" das encostas, disse o prefeito Ademar Felisky.

Em Blumenau, onde houve 23 mortos, ainda há 20 mil pessoas sem energia elétrica, segundo a Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc).

No vale de Itajaí, onde está situada a maioria dos municípios afetados pela tragédia, os danos à infra-estrutura foram calculados em R$ 358 milhões, segundo a Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc).

A cidade de Itajaí foi outra das arrasadas pelas fortes chuvas e as atividades no porto estão suspensas desde o fim de semana passado.

Apesar de os organismos de resgate terem conseguido chegar por terra a todos os municípios que estavam isolados, ainda há 17 estradas do estado com bloqueios parciais ou totais, segundo a Defesa Civil e a Polícia.

Uma das vias mais afetadas é a BR-470, que está bloqueada em dez pontos, enquanto na BR-101 as autoridades calculam que a passagem à altura de Santa Catarina se abrirá totalmente no próximo domingo se as chuvas permitirem. EFE joc/db

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG