Manila, 8 set (EFE).- Pelo menos 11 pessoas morreram e 19 estão desaparecidas depois que dois corrimentos de terras causados pelas chuvas torrenciais soterrassem um povoado em uma região de minas de ouro no sul das Filipinas, informaram hoje as autoridades.

Um novo desmoronamento causou esta madrugada cinco novas vítimas fatais na pequena aldeia montanhosa de Masara, na província de Compostela Valley, uma região afetada pela pobreza e o conflito da insurgência comunista no coração da ilha de Mindanao.

Até agora, as enchentes arrasaram cerca de 30 casas e mais de 5.000 moradores do povo e suas cercanias fugiram pelo temor de mais inundações, segundo o prefeito que declarou o estado de emergência na região. EFE csm/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.