Italiano de origem africana morre após ser espancado no centro de Milão

Roma, 14 set (EFE).- Um italiano de 19 anos nascido em Burkina Fasso morreu hoje após ser brutalmente espancado por dois homens no centro de Milão, no norte da Itália.

EFE |

Segundo as primeiras investigações, o jovem e dois amigos passaram a noite em algum lugar da cidade. Por volta das 6h (hora local), quando o trio andava pelas ruas, dois ambulantes, de 25 e 40 anos, aproximadamente, desceram de uma van acusando o grupo de ter roubado produtos de dentro do veículo.

Algumas testemunhas contaram aos policiais que os dois homens insultaram os jovens com frases racistas e os ameaçaram de morte.

Assustados, os três jovens tentaram fugir, mas um deles acabou alcançado pelos ambulantes e teve sua cabeça violentamente golpeada por uma barra de ferro e um pedaço de madeira.

O jovem, que tinha passaporte italiano, foi levado para o Hospital Fatebenefratelli, em Milão, mas morreu horas depois de internado. Seus dois amigos anotaram a placa da van usada pelos agressores e entregaram o número à Polícia, que já deu início às buscas pelos dois ambulantes. EFE ccg/wr/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG