Itália vai distribuir caviar apreendido para os pobres

As autoridades da cidade de Milão, no norte da Itália, estão se preparando para distribuir 40 quilos de caviar beluga aos pobres da cidade como presente de Natal. A iguaria foi apreendida em novembro, depois de ser descoberta com dois homens que haviam saído da Polônia e que levavam a carga escondida.

BBC Brasil |

Segundo o jornal Corriere Della Serra, essa quantidade de caviar beluga - a variedade mais cara de todas - valeria US$ 550 mil, o equivalente a R$ 1,3 milhão.

A polícia italiana conduziu testes para confirmar que o caviar é comestível e agora a carga vai ser distribuída a cantinas de instituições de caridades e abrigos do governo.

Vários países europeus investiram na luta contra o comércio ilegal de caviar, depois que mais de 600 toneladas do produto foram contrabandeadas na União Européia entre 1998 e 2004.

No entanto, no ano passado, as Nações Unidas suspenderam uma sanção que proibia a exportação de caviar beluga, depois que os países do Mar Cáspio concordaram em limitar a pesca do esturjão beluga, peixe do qual a iguaria é retirada.

A proibição havia sido imposta porque a espécie estava rapidamente desaparecendo do Mar Cáspio, fonte de cerca de 90% do caviar do mundo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG