Itália vai aumentar medidas de segurança interna

Roma, 5 set (EFE).- O ministro do Interior da Itália, Roberto Maroni, anunciou que deve aumentar o número de soldados que patrulham as principais cidades do país, agora fixado em 3.

EFE |

000, como medida de segurança.

Em entrevista publicada hoje pelo diário "Il Messaggero", Maroni também qualificou como um "êxito" a iniciativa que começou há um mês, na qual foram criadas patrulhas mistas de policiais e soldados para fiscalizar as ruas, possíveis alvos de tumultos e centros de imigrantes.

"Os resultados durante este mês são muito interessantes, pois foram detidas 93 pessoas, entre eles 66 imigrantes não comunitários", explicou Maroni.

Por enquanto, a iniciativa tem vigência de seis meses, e em seguida será avaliada a eficácia da medida, com a possibilidade de renová-la por mais meio ano, com um custo de 31,2 milhões de euros.

EFE ccg/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG