Itália usará loteria para financiar reconstrução após terremoto

Roma, 23 abr (EFE).- O Governo italiano recorrerá à loteria para arrecadar parte dos fundos necessários para reconstruir a região de Abruzzos, devastada pelo terremoto do dia 6 de abril que deixou 295 mortos, informa hoje o diário Corriere della Sera.

EFE |

Esta é uma das medidas que, segundo o jornal, estão na minuta do decreto lei de Abruzzos que o Executivo italiano aprovará hoje em um Conselho de Ministros extraordinário na cidade de L'Aquila, uma das mais castigadas pelo terremoto.

Novos jogos de "raspa e ganha" e de loteria serão dedicados à reconstrução da região devastada, enquanto a hipótese da criação de novas loterias nos supermercados do país é "um pouco mais complexa e não de imediata realização".

O "Corriere della Sera" assegura que no decreto do Executivo estão previstos aproximadamente 8,5 bilhões de euros para reconstruir a região afetada, sem a necessidade de aumentar os impostos dos cidadãos italianos nem os encargos sobre o tabaco ou a gasolina.

"Para financiar as despesas mais imediatas (1,5 bilhão de euros) e os investimentos para a reconstrução (pelo menos 7 bilhões de euros) serão usados os jogos de azar já existentes e que serão reprogramados, recursos da União Europeia (UE), e também as doações livres dos cidadãos", disse o diário. EFE mcs/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG