Itália prepara com OCDE cúpula social do G8

Roma, 20 fev (EFE).- O ministro de Trabalho e Políticas Sociais italiano, Maurizio Sacconi, se reuniu hoje com o secretário-geral da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), Ángel Gurría, para enfocar o desemprego na cúpula do G8 (Grupo dos Oito) sobre Assuntos Sociais que será realizada em Roma em março.

EFE |

O G8 é o grupo dos países mais industrializados - Estados Unidos, Japão, Alemanha, Reino Unido, França, Itália, Canadá - e a Rússia.

Segundo a imprensa italiana, Gurría e Sacconi decidiram orientar a cúpula, que será realizada entre os dias 29 e 31 de março, para os efeitos da crise econômica mundial no emprego.

Os dirigentes se mostraram de acordo com "a proteção ativa dos desempregados" e com que as políticas de formação devem "representar a prioridade de ação dos Governos para enfrentar as consequências da crise".

Durante a reunião, Gurría anunciou que a OCDE está preparando uma análise específica sobre os efeitos sociais da crise, que será apresentado durante a cúpula do G8 social.

A cúpula de líderes do G8, em julho, convocará os países mais industrializados (EUA, Japão, Alemanha, Reino Unido, França, Itália e Canadá) e a Rússia.

Para o segundo dia também foram convidados Brasil, Índia, China, África do Sul, México e Egito, e para a terceira e última jornada da cúpula foram chamados alguns países africanos. EFE fab/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG