Itália prende suposto herdeiro de clã da máfia

De acordo com escutas recolhidas por investigadores, Nicola Schiavone seria o novo líder da máfia napolitana

EFE |

Roma - A Polícia italiana deteve nesta terça-feira Nicola Schiavone, considerado o herdeiro à frente do poderoso clã "Los Casaleses" após a detenção em 1998 de seu pai, Francesco Schiavone, apelidado "Sandokan".

Algumas escutas recolhidas pelos investigadores provam que Nicola Schiavone, de 32 anos, tomou as rédeas do clã, o mais poderoso da Camorra, a máfia napolitana. Este clã, entre outras coisas, condenou a morte o escritor italiano Roberto Saviano, que, com seu livro "Gomorra" revelou todos os mesentérios das atividades ilegais de "Los Casaleses".

Os investigadores acusam Nicola Schiavone de ter ordenado o assassinato por um "acerto de contas" em maio de 2009 dos membros da "família" Francesco Buonanno, Modestino Minutolo e Giovan Battista Papa.

    Leia tudo sobre: iGitáliamáfia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG