Dois homens de nacionalidade francesa, detidos há seis meses no sul da Itália, foram indiciados nesta terça-feira por integrar uma célula terrorista vinculada à Al-Qaeda que planejava atentados na França e na Inglaterra, informa a imprensa italiana.

As autoridades da cidade italiana de Bari (sul), onde os dois estão presos, não confirmaram a informação, no entanto.

Os dois homens são um imã que morou na Bélgica, Bassam Ayachi, um sírio de 63 anos que obteve a nacionalidade francesa, e um francês de 34 anos, Raphaël Gendron.

Eles foram detidos em novembro de 2008. Após uma investigação judicial, os dois foram acusados de planejar e organizar atentados terroristas e ações de guerrilha. De acordo com a imprensa italiana, um dos alvos da dupla era o aeroporto Charles de Gaulle de Paris.

kd/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.