Itália anuncia a repatriação em massa de imigrantes clandestinos

O ministro italiano do Interior, Roberto Maroni, anunciou nesta segunda-feira que acelerará os mecanismos para a expulsão dos imigrantes clandestinos, que serão repatriados em vôos especiais dentro de poucos dias da ilha siciliana de Lampedusa ante o temor de uma onda de desembarques descontrolados.

AFP |

Mais de 2.000 pessoas foram interceptadas entre sexta-feira e domingo frente às costas italiana, enquanto que uma embarcação com 140 imigrantes, entre eles 10 mulheres grávidas, foi resgatada nesta segunda pela marinha de Malta depois de permanecer durante horas à deriva.

bur-kv/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG