Israelenses e egípcios se reúnem no Cairo em busca de cessar-fogo em Gaza

Uma reunião crucial entre um emissário israelense e o chefe dos serviços de inteligência egípcios aconteceu nesta quinta-feira no Cairo voltada para o estudo dos termos de um cessar-fogo na Faixa de Gaza, mas os dirigentes do Hamas já rejeitaram o plano egípcio.

AFP |

Amos Gilad, conselheiro político do ministro israelense da Defesa Ehud Barak, reuniu-se com Omar Suleiman, chefe dos serviços de inteligência egípcios e homem-chave de todas as negociações delicadas na região.

Gilad voltou a Israel no fim da tarde para apresentar a seu governo os resultados da reunião, indicou a embaixada israelense no Egito. O conteúdo das conversas entre os dois ainda não foi divulgado.

Segundo fontes diplomáticas, existe a possibilidade de um encontro neste domingo no Egito entre o presidente Hosni Mubarak e o primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert.

O Egito definiu um prazo máximo de três dias para a aplicação de seu plano, baseado em três pontos essenciais: um cessar-fogo por um tempo limitado, a abertura dos postos de passagem e a reconciliação entre as principais facções palestinas.

No entanto, o Hamas já anunciou que não considera o plano como "uma base válida" para negociar.

an/yw/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG