Israel usa foto de Hitler e líder palestino para vencer críticas

Por Allyn Fisher-Ilan JERUSALÉM (Reuters) - Israel ordenou seus diplomatas a usarem uma fotografia antiga de um ex-líder religioso palestino se encontrando com Adolf Hitler para conter a desaprovação mundial ao plano israelense de construção na parte Oriental de Jerusalém.

Reuters |

Autoridades israelenses afirmaram nesta quarta-feira que o ministro de Relações Exteriores, Avigdor Lieberman, pediu aos embaixadores israelenses que circulem a foto, tirada em Berlim em 1941, do líder nazista sentado perto de Haj Amin al-Husseini, o maior líder religioso muçulmano em Jerusalém.

Uma autoridade disse que Lieberman, um ultranacionalista, espera que a foto "envergonhe" países ocidentais e faça com que deixem de exigir que Israel interrompa o projeto em uma área predominantemente árabe na parte Oriental de Jerusalém.

Israel capturou Jerusalém Oriental em 1967, anexando-a como parte de sua capital não-reconhecida internacionalmente.

Os Estados Unidos e a Europa se opuseram ao plano de incorporadores israelenses de construir 20 apartamentos em território que Israel diz ter sido comprado por um milionário americano-judeu assim como ameaças de Israel de demolir casas de palestinos que poderiam deixar milhares de desempregados.

(Reportagem adicional de Mohammed Assadi em Ramallah)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG