Israel tem que aceitar dois Estados e fim da colonização (Abbas)

O presidente palestino, Mahmud Abbas, lembrará a Barack Obama em sua próxima reunião que as condições para a retomada das negociações de paz com Israel são a aprovação pelo Estado hebreu de uma solução com dois Estados e o fim da colonização, afirmou Abbas neste domingo.

AFP |

"Iremos a Washington no dia 28 de maio para apresentar ao governo norte-americano nossas condições para a retomada das negociações de paz com Israel", explicou Abbas em Amã, após um encontro com o rei Abdullah II da Jordânia.

"Nossas condições e nossas exigências se baseiam na solução de dois Estados assim como no fim das colônias de povoamento e das demolições de casas", acrescentou Abbas sobre a sua próxima viagem a Washington, onde será recebido pelo presidente norte-americano, Barack Obama.

O primeiro-ministro israelense, o direitista Benjamin Netanyahu, até o momento não manifestou publicamente o seu apoio à criação de um Estado palestino soberano, como estipula o "Mapa do Caminho", plano de paz internacional.

A ideia da existência dos dois Estados, lado a lado, é apoiada por Washington, que também critica a colonização judaica de Jerusalém Oriental.

akh/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG