Israel ressalta direito de construir em Jerusalém Oriental

Jerusalém, 21 jul (EFE).- Israel afirmou hoje que tem o direito inquestionável de levar adiante o seu projeto de construção em Jerusalém Oriental.

EFE |

As declarações são uma resposta aos crescentes protestos da comunidade internacional contra o projeto na parte palestina da cidade.

"Nosso direito de governar e desenvolver Jerusalém é inquestionável", disse o vice-ministro de Relações Exteriores israelense, Dani Ayalon, em um breve comunicado.

"Israel atuou e continuará atuando de acordo com seus interesses, especialmente no que diz respeito a Jerusalém", acrescentou.

A nota explica que as declarações são uma resposta ao pedido russo pelo fim da construção de assentamentos judaicos nos territórios ocupados.

Por sua vez, a União Europeia (UE) divulgou hoje um comunicado no qual disse que Israel deve "abster-se de toda provocação em Jerusalém Oriental, inclusive das demolições de imóveis e das desocupações". EFE ap/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG