Israel procura negociar com Síria e palestinos, diz Olmert

Jerusalém, 22 mai (EFE) - Israel procura manter simultânea e paralelamente conversas de paz com a Síria e os palestinos, afirmou hoje o primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, ao ministro de Exteriores francês, Bernard Kouchner.

EFE |

Durante uma reunião que mantiveram hoje em Jerusalém, o chefe de Governo israelense insistiu em que tenta alcançar um acordo de paz com os palestinos até o fim do ano.

O primeiro-ministro de Israel acrescentou que as conversas que mantêm as equipes de seu país e da Autoridade Nacional Palestina (ANP) são "sérias e importantes", indicam veículos de comunicação locais.

Olmert e o presidente da ANP, Mahmoud Abbas, retomaram em dezembro, após a Conferência de Annapolis (Estados Unidos) realizada no mês anterior, o processo de paz com o objetivo de conseguir um acordo definitivo que coloque fim ao conflito entre os dois povos e crie um Estado palestino independente.

Israel e Síria anunciaram na quarta-feira que empreenderão negociações de paz indiretas com a mediação da Turquia, depois que a última rodada de contatos para conseguir um acordo foi suspensa em 2000.

"Os sírios sabem o que queremos e nós sabemos o que eles querem", disse hoje Olmert sobre este novo canal de diálogo, o qual quarta à noite qualificou de "dever nacional".

A imprensa local informou que os contatos diretos poderiam começar dentro de 15 dias. EFE db/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG