Israel pede que Rússia não forneça armamento ao Irã

Moscou, 19 dez (EFE).- Israel pediu hoje à Rússia que não forneça armamento ao Irã, já que o país é uma ameaça para a segurança nacional e regional.

EFE |

"A provisão de armamento perigoso a nossos inimigos não responde aos interesses da paz e poderia, por exemplo, ajudar o Irã varrer Israel da face da terra", disse Amos Gilad, chefe do departamento de Política e Segurança de Defesa, em declarações à agência "Interfax".

Por isso, Israel espera da Rússia responsabilidade neste assunto, acrescentou Gilad, em alusão às informações de que Moscou deve fechar um acordo para fornecer ao Irã sistemas antiaéreos S-300.

"Sabemos o que se espera de nós, que respeitemos os interesses da Rússia. Nós, por nossa parte, esperamos que a Rússia respeite os nossos, as aspirações de nosso pequeno país de viver em paz", assinalou.

O funcionário ressaltou que o Irã tem a intenção de possuir armas nucleares.

"E essa é uma combinação muito perigosa com um regime que abertamente fala de suas intenções de varrer Israel do mapa, mudar toda a região", disse, ao acrescentar que um Irã com armas nucleares seria uma ameaça para toda a região do Oriente Médio. EFE egw/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG