Israel mata 5 supostos milicianos do Hamas em operações de represália

Jerusalém, 10 mai (EFE).- Cinco supostos milicianos do Hamas foram mortos na noite de sexta-feira em ataques de represália do exercito de Israel após a morte no mesmo dia de um civil israelense atingido por um morteiro lançado por militantes desse movimento islamita palestino, informaram hoje fontes israelenses e palestinas.

EFE |

Segundo fontes médicas em Gaza, dois dos milicianos palestinos morreram num bombardeio israelense contra uma delegacia de Polícia na localidade de Rafah, no sul da faixa e fronteiriça com o Egito.

Os outros três perderam a vida em uma operação terrestre em Khan Yunes, na mesma região.

O Exército israelense confirmou os ataques, que aconteceram horas depois de um civil israelense ter morrido num ataque com morteiro de milicianos do Hamas em uma localizada próxima à fronteira com a Faixa de Gaza.

Após as operações de represália israelense, militantes do movimento islamita voltaram a lançar hoje mais foguetes Qassam contra localidades próximas a esse território sob controle palestino.

A maioria dos foguetes atingiu as cercanias de Sderot, sem deixar vítimas. EFE amg/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG