Os pontos de passagem da Faixa de Gaza ficarão fechados, no mínimo, até quinta-feira, depois que um foguete palestino atingiu o território israelense, na terça à noite, violando a trégua atual, informou o Ministério da Defesa de Israel.

Na quinta-feira, o Estado hebreu decidirá se manterá a medida, de acordo com a situação no terreno, completou o Ministério.

O disparo de um foguete contra o sul de Israel, que não fez vítimas, nem causou danos, aconteceu apesar de uma trégua da violência, em vigor desde 19 de junho. Esse cessar-fogo foi concluído sob mediação de Egito entre Israel e o movimento islamita Hamas, que controla a Faixa de Gaza.

Desde o início da trégua, 44 projéteis e um obus de morteiro foram lançados desse território palestino, sem deixar vítimas, segundo o Exército israelense.

jlr/tt/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.