Israel detém 39 palestinos em operações na Cisjordânia

Gaza, 9 abr (EFE).- O Exército israelense deteve 39 palestinos em operações realizadas em diferentes cidades da Cisjordânia entre esta madrugada e o início de hoje, informaram fontes de segurança palestinas.

EFE |

Os detidos foram levados das cidades de Nablus, Hebron, Ramala, Kalkilia e Jenin para bases militares israelenses e assentamentos judaicos na Cisjordânia para serem interrogados, acrescentaram as fontes. A maioria pertence ao Hamas e à Jihad islâmica.

O Exército israelense afirmou que deteve de madrugada 19 palestinos procurados pelas forças de segurança de Israel na Cisjordânia, onde o Exército israelense realiza detenções quase diariamente.

Na Faixa de Gaza, um miliciano palestino e um soldado israelense morreram de madrugada durante uma incursão do Exército israelense de quatro horas no sul do território palestino, informaram testemunhas e fontes médicas.

O Hamas e a Jihad Islâmica assumiram a autoria do ataque, no qual, além da morte do militar israelense, outro ficou ferido.

Israel tinha limitado recentemente suas incursões na Faixa de Gaza. No entanto, nesta terça-feira, outro miliciano morreu em um bombardeio durante uma operação semelhante ao leste do campo de refugiados de Jabalya, no norte da Faixa de Gaza. EFE sar/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG