Israel demole casas de palestinos em Jerusalém Oriental

Israel diz que destruirá qualquer prédio construído sem permissão, especialmente em Jerusalém, centro de disputa com palestinos

Reuters |

Israel demoliu duas casas palestinas em construção e parte de uma fábrica em Jerusalém Oriental nesta terça-feira, após meses evitando demolições na cidade disputada com os palestinos, disseram testemunhas.

Reuters
Soldado israelense observa trabalho de demolição de casa em Jerusalém Oriental

Dezenas de soldados de fronteira armados deram segurança a uma escavadeira que destruiu as fundações e a estrutura de cimento na região de Issawiya, em Jerusalém Oriental. De acordo com um porta-voz da polícia, não houve violência.

Segundo a agência de notícias palestina "Ma'an", no entanto, as famílias de Sabah Abu Rmeile e Mahmoud Abu Rayale disseram que uma mulher, Sabah Abu Rmeile, foi ferida durante confrontos que aconteceram em meio às demolições.

Ativistas do Comitê Israelense contra a Demolição de Casas, entidade fundada na Europa que monitora o assunto, disseram que ninguém morava nos prédios, que ainda estavam em construção. As demolições são as primeiras em Jerusalém Oriental desde o final de 2009, disse um membro do grupo. Os porta-vozes do prefeito de Jerusalém, Nir Barkat, não comentaram imediatamente.

Também foram destruídos hoje em Isawiya uma quadra, uma cerca, uma trilha e várias árvores frutíferas. As propriedades pertenciam a uma família palestina que tem uma pequena fazenda no lugar e conta com as permissões exigidas para abrigar animais, segundo o Comitê Israelense Contra a Demolição de Casas.

Israel afirmou no passado que destruirá qualquer prédio construídos sem permissão. Os palestinos dizem que é impossível obter as permissões de autoridades israelenses, especialmente em Jerusalém, cidade que está no centro do conflito israelo-palestino.

    Leia tudo sobre: IsraelCisjordâniaassentamentosJerusalém

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG