zona militar fechada região em torno de Nablus - Mundo - iG" /

Israel declara zona militar fechada região em torno de Nablus

Jerusalém, 3 jun (EFE).- O Exército israelense declarou zona militar fechada a região em torno da cidade de Nablus, na Cisjordânia, para impedir a entrada de ativistas de esquerda, informou a rádio militar israelense.

EFE |

Nenhum israelense poderá chegar ao lugar pelos postos de controle de Hawara, Beit Furik e Awarta, explicou um porta-voz militar.

A medida foi adotada pelo responsável do comando central geral, Gadi Shamni, após receber reclamações de soldados de que ativistas interferiam em sua tarefa de inspeção nos postos militares de controle da zona, disse o porta-voz.

O Exército indica os membros da ONG israelense Majsom Watch, formada por mulheres mais velhas que controlam a atividade nos postos militares de controle para reportar abusos, informa a imprensa local.

A porta-voz da Majsom Watch, Raia Yaron, rejeitou a acusação de interferências e lembrou que muitos de seus membros têm "filhos e netos" no Exército, e por isso têm "empatia" pelos "soldados obrigados a lidar com problemas alheios".

"Nos limitamos a testemunhar a situação e como os palestinos são tratados nos postos de controle. Isso é tudo", ressaltou Yaron à Agência Efe.

A ONG israelense de direitos humanos Iesh Din foi mais dura nas críticas, e disse que "somente os regimes totalitários proíbem o acesso de organizações humanitárias a locais onde há interação com a população civil".

"A medida tem como objetivo esconder as ações criminosas realizadas nos postos de controle. Não nos surpreenderia que o próximo passo seja proibir páginas da internet, como na China", ressaltou a Iesh Din. EFE ap/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG