Três soldados israelenses morreram e outros 24 ficaram feridos na noite desta segunda-feira, quando um tanque israelense disparou, por engano, contra um grupo de militares, no norte da Faixa de Gaza, anunciou um porta-voz do Exército hebreu.

  • "Três soldados das forças israelenses morreram na explosão de um obus disparado, por erro, de um tanque israelense durante uma operação" no norte da Faixa de Gaza, disse o porta-voz, acrescentando que outros 24 soldados ficaram feridos.

    Segundo o oficial, um dos feridos está em estado "crítico" e três sofreram ferimentos "graves". Os demais têm ferimentos "leves ou médios".

    "O disparo atingiu uma estrutura na qual estavam os soldados".

    As redes de televisão Al-Jazira, do Qatar, e Al Arabiya, do Dubai, já tinham informado a morte dos soldados israelenses.

    Segundo Al-Jazira, três militares morreram e outros 30 ficaram feridos nos combates de hoje na Faixa de Gaza. O canal Al-Arabiya informou que "quatro soldados israelenses morreram nos combates desta noite".

    Previamente, o braço armado do movimento islâmico palestino Hamas, as Brigadas Ezzedin al-Qassam, afirmou ter liqüidado "dez soldados" israelenses e ferido outros 30 na noite de segunda-feira na Faixa de Gaza.

    Nahum Sirotsky, colunista do iG, comenta a situação em Gaza; veja o vídeo:


    Leia também

    Opinião


    Leia mais sobre: Faixa de Gaza

      Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.