Israel confirma libertação de 199 presos palestinos amanhã

Jerusalém, 24 ago (EFE).- Em um gesto de boa vontade para com o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, Israel libertará amanhã 199 presos palestinos.

EFE |

"A libertação acontecerá às 9h30 (3h30 de Brasília), no presídio de Ofer, para onde foram prisioneiros foram transferidos depois de exames médicos e de encontros com representantes da Cruz Vermelha", informou hoje o porta-voz do Serviço de Prisões israelense.

Do centro de detenção, os presos serão levados para o posto de controle de Beituniya, perto de Ramala, na Cisjordânia, sede do Governo da ANP.

Na semana passada, os ministros israelenses determinaram o número exato de presos que seriam soltos e permitiu que vários deles fossem do grupo de condenados por homicídio ou ferimentos graves.

Apesar de a maioria dos que serão libertados terem sido condenados por pequenos delitos, pelo menos dois cumprem penas por assassinato, o que provocou protestos em Israel.

A lista de prisioneiros é composta unicamente por membros do movimento Fatah, embora também haja alguns afins a pequenos grupos de esquerda que abandonaram a luta armada.

A libertação de presos faz parte das medidas de confiança para consolidar o processo de negociação que as duas partes iniciaram na conferência de Annapolis (EUA), em novembro de 2007. EFE aca/wr/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG