JERUSALÉM - Militares israelenses cancelaram uma ação em um dos territórios palestinos depois que um soldado divulgou detalhes, incluindo hora e lugar, no site de relacionamentos Facebook, disse a Rádio do Exército nesta quarta-feira.

O soldado, já dispensado das funções de combate, descreveu em uma atualização de status como sua unidade planejava uma "limpeza" (operação de prisão de militantes) numa área da Cisjordânia. Ele acabou denunciado às autoridades militares por "amigos" da rede, segundo a rádio. As Forças Armadas não se manifestaram oficialmente sobre o caso.

Israel diz que suas incursões na Cisjordânia têm o objetivo de capturar militantes suspeitos de planejar atentados contra Israel. A Autoridade Nacional Palestina afirma que essas operações dificultam seu próprio trabalho de impor a lei e a ordem no território.

Leia mais sobre Israel - palestinos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.