Copenhague, 23 jan (EFE).- O primeiro-ministro da Islândia, o conservador Geir Haarde, anunciou hoje a convocação de eleições gerais antecipadas para o dia 9 de maio.

O anúncio acontece após três dias de protestos populares contra o Governo por sua atuação durante a crise econômica, que deixou o país perto da quebra.

Haarde também comunicou que será operado no mês que vem por causa de um tumor maligno e que não se apresentará para as eleições. EFE alc/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.