Islamabad, 3 jul (EFE).- O Governo do Paquistão pediu hoje informações ao Afeganistão sobre duas pessoas, supostamente afegãs, que foram executadas perto da fronteira, em praça pública em território paquistanês, por talibãs.

"Pedimos ao Afeganistão que nos dê os nomes, os números dos passaportes e o motivo da visita (das vítimas)", disse em entrevista coletiva o porta-voz do Ministério de Assuntos Exteriotes paquistanês, Mohammad Sadiq, segundo a agência estatal "APP".

No último dia 27, dois afegãos - segundo a imprensa paquistanesa - foram executados diante de milhares de pessoas no distrito tribal de Bajaur, no noroeste do Paquistão, após terem sido acusados de ajudar dos Estados Unidos.

"Ainda não temos a confirmação (da nacionalidade) por uma fonte independente", disse o porta-voz.

Sadiq disse que seu país espera que o Afeganistão dê detalhes sobre as vítimas, os quais poderiam ser muito úteis na abertura da investigação requisitada pelas autoridades afegãs. EFE igb/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.