Islamabad pede a Cabul dados sobre afegãos mortos no Paquistão

Islamabad, 3 jul (EFE).- O Governo do Paquistão pediu hoje informações ao Afeganistão sobre duas pessoas, supostamente afegãs, que foram executadas perto da fronteira, em praça pública em território paquistanês, por talibãs.

EFE |

"Pedimos ao Afeganistão que nos dê os nomes, os números dos passaportes e o motivo da visita (das vítimas)", disse em entrevista coletiva o porta-voz do Ministério de Assuntos Exteriotes paquistanês, Mohammad Sadiq, segundo a agência estatal "APP".

No último dia 27, dois afegãos - segundo a imprensa paquistanesa - foram executados diante de milhares de pessoas no distrito tribal de Bajaur, no noroeste do Paquistão, após terem sido acusados de ajudar dos Estados Unidos.

"Ainda não temos a confirmação (da nacionalidade) por uma fonte independente", disse o porta-voz.

Sadiq disse que seu país espera que o Afeganistão dê detalhes sobre as vítimas, os quais poderiam ser muito úteis na abertura da investigação requisitada pelas autoridades afegãs. EFE igb/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG