Isaf divulga vídeo de atentado que deixou 14 crianças mortas no Afeganistão

Cabul, 29 dez (EFE).- A Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) divulgou hoje um vídeo com imagens do atentado suicida que este domingo matou 16 pessoas - 14 delas crianças - na região oriental afegã de Khost.

EFE |

No vídeo, pode-se ver como um veículo preto se aproxima de um controle policial e explode no momento no qual passam pela área mais de uma dezena de estudantes.

No atentado, que aconteceu no distrito de Comando Zai, morreram 16 pessoas, entre elas 14 crianças e um soldado afegão, e outras 58 ficaram feridas.

O general Mckiernan, que comanda a Isaf, expressou seu pesar pelo sucedido e apontou a rede insurgente afegã Haqqani e os talibãs como responsável do atentado.

"Continuo vendo como morrem homens, mulheres e crianças inocentes que morrem assassinados por esta insurgência sem sentido. Achamos que a rede terrorista Haqqani e os inimigos do Afeganistão são diretamente responsáveis por esta ação bárbara", disse o general em comunicado.

A rede Haqqani é controlada pelo antigo mujahedin Jalaludin Haqqani e seu filho Siraj desde o Paquistão, segundo o Exército americano, que os considera responsáveis por atentados como o contra o luxuoso hotel Serena de Cabul.

O suicida, a bordo de seu veículo, pretendia desta vez penetrar nos prédios administrativos do distrito, mas teve que deter-se em um controle prévio e detonou a carga explosiva.

Segundo a ONU, mais de 4.000 pessoas morreram no Afeganistão vítimas da violência nos primeiros oito meses de 2008, embora não existem estimativas oficiais até o final de ano. EFE lo-daa/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG