Irmãos confessam que mataram menina de três anos na Argentina

Buenos Aires - Dois irmãos argentinos de oito e nove anos confessaram hoje à Justiça que mataram uma menina de três anos enquanto brincavam em um terreno da periferia de Buenos Aires, informaram fontes judiciais.

EFE |

O corpo da menina, identificada apenas como Milagros, foi encontrado nu e com uma corda ao redor do pescoço neste domingo, em um terreno próximo à localidade de Almirante Brown, em Buenos Aires, onde ela morava com os pais e seis irmãos.

O crime causou indignação entre os parentes e vizinhos da menina, que ontem à noite tentaram atacar o dono do prédio onde o cadáver foi encontrado, obrigando a Polícia a intervir.

Segundo o depoimento do irmão mais novo ao responsável pelo caso, Héctor Toneguzzo, enquanto brincavam com a menina, os meninos colocaram uma corda no pescoço de Milagros, como se fosse uma coleira, terminando por matar a menina asfixiada.

Apesar de ainda não se conhecer outros detalhes sobre o fato, há testemunhas que viram o momento em que os meninos, que ficaram à disposição da Justiça, levaram a menina ao terreno onde ela foi encontrada morta.

"Ela sumiu de casa em segundos. Tenho sete filhos, ninguém viu nada", lamentou Oscar, o pai de Milagros, em entrevista à "Radio Mitre".

    Leia tudo sobre: assassinato

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG