Irlanda reabre aeroportos fechados por nuvem de cinzas

Dublin, 7 mai (EFE).- A Autoridade de Aviação Irlandesa (IAA, na sigla em inglês) confirmou que todos os aeroportos situados no oeste da ilha operam normalmente desde 6h (pelo horário de Brasília) nesta sexta-feira, após restrições impostas na última noite.

EFE |

Dublin, 7 mai (EFE).- A Autoridade de Aviação Irlandesa (IAA, na sigla em inglês) confirmou que todos os aeroportos situados no oeste da ilha operam normalmente desde 6h (pelo horário de Brasília) nesta sexta-feira, após restrições impostas na última noite. A IAA anunciou na quinta-feira que, a partir das 20h (de Brasília), seis aeroportos do país ficariam restritos em consequência da aproximação da nuvem de cinzas originada pelo vulcão islandês. Em nota divulgada nesta sexta-feira, a IAA explica que a nuvem - dez vezes maior que a Irlanda - está se afastando do litoral ocidental da ilha graças a ventos que sobram do leste. As restrições afetaram aos aeroportos de Shannon, Donegal, Sligo, Knock, Galway e Kerry, enquanto os terminais de Cork (sul), Waterford (sudeste) e Dublin operaram com normalidade. A IAA explicou que a atividade vulcânica do vulcão criou "uma enorme nuvem de cinza de mil milhas de comprimento (1,6 quilômetros) e 700 de largura (1,1 quilômetros)". Em consequência, as autoridades irlandesas não descartam a imposição de novas restrições durante o fim de semana em função das previsões meteorológicas. EFE ja/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG