Iraque exige retirada de soldados iranianos de campo petrolífero

BAGDÁ (Reuters) - O governo do Iraque exigiu nesta sexta-feira a retirada imediata de tropas iranianas que assumiram o controle de um campo de petróleo no sul do país. O Iraque exige a retirada imediata do reservatório número 4 e do campo de Fakka, que é de propriedade do Iraque. O Iraque busca uma solução pacífica e diplomática para esta questão, disse o porta-voz do governo, Ali al-Dabbagh.

Reuters |

Mais cedo, o vice-ministro do Iraque disse que 11 soldados iranianos cruzaram a fronteira entre os dois países na tarde de sexta-feira, a última em uma série de incursões recentes, e assumiram um reservatório de petróleo na remota área fronteiriça no deserto iraquiano.

A Empresa Nacional de Petróleo do Irã (NIOC, na sigla em inglês) negou que soldados iranianos entraram em território iraquiano e ocuparam o campo de petróleo, informou a agência de notícias semioficial iraniana Mehr.

(Reportagem de Mohammed Abbas)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG