Cairo, 25 jan (EFE).- A Justiça iraquiana executou hoje o ex-ministro da Defesa Ali Hassan al-Majid, mais conhecido como Ali, o Químico e condenado a quatro penas de morte em diferentes julgamentos, informou hoje a TV iraquiana.

O porta-voz do Governo nacional, Ali al-Dabbagh, disse à emissora "Al-Iraquiya" que a execução aconteceu hoje. No entanto, não especificou qual método foi utilizado. EFE hh/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.