Iraque e Irã negociam área de fronteira sob disputa

Por Waleed Ibrahim BAGDÁ (Reuters) - Irã e Iraque deram início a conversações para tentar resolver a disputa sobre um poço de petróleo inativo numa área estratégica ao longo da fronteira de quase 1.500 quilômetros entre os dois países, afirmaram ministros das Relações Exteriores na quinta-feira.

Reuters |

O ministro iraquiano Hoshiyar Zebari se encontrou com o colega iraniano Manouchehr Mottaki numa iniciativa para aliviar as tensões entre os vizinhos, depois que um pequeno contingente de soldados iranianos se posicionou num campo de petróleo do território iraquiano no mês passado.

As declarações feitas em entrevista coletiva após a reunião deixaram claro que a essência da disputa ainda não foi resolvida. Mottaki afirmou que os soldados iranianos receberam ordens para voltar "às suas posições originais", mas Zebari indicou que até agora eles não tinham se movimentado para longe o suficiente.

"As tropas iranianas baixaram a bandeira iraniana e se retiraram (apenas) a uma determinada distância", afirmou Zebari.

A tomada do poço, que o Iraque afirma ser parte do campo petrolífero de Fakka, na província de Maysan, sudeste do país, deflagrou protestos em Bagdá e estremeceu os mercados de petróleo mundiais.

Zebari afirmou que os dois lados concordaram em "normalizar as condições de fronteira".

"Tivemos um problema (sobre fronteiras) e o problema ainda está pendente, mas queremos resolvê-lo", disse.

Ele afirmou que não havia a necessidade imediata de a Organização das Nações Unidas intermediar o caso porque o Irã e o Iraque ainda dispunham de soluções bilaterais.

Mottaki afirmou que os dois países estão realizando discussões técnicas sobre a disputa. Os dois lados afirmaram que as negociações continuarão nas próximas semanas.

O poço foi perfurado em 1979 e, na época, fornecia cerca de 3 mil barris de petróleo por dia, mas está inativo desde 1980, em razão da guerra.

O campo de Fakka integra o complexo petrolífero de Maysan, cujas reservas giram em torno de 2,5 bilhões de barris.

O Irã tem a terceira maior reserva de petróleo do mundo, mas é apenas o 11o. produtor mundial.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG