Iraque: Dupla explosão contra governador de Ninawa deixa oito mortos

Bagdá, 26 jun (EFE).- Pelo menos oito pessoas morreram hoje e 20 ficaram feridas em uma dupla explosão em Mossul que tinha como alvo o governador da província de Ninawa, Duraid Kashmola, informaram à Agência Efe fontes policiais.

EFE |

Segundo as fontes, uma bomba colocada na beira da estrada explodiu na passagem do comboio onde o governador viajava, no centro de Bab al-Tub, 400 quilômetros ao norte de Bagdá.

Poucos minutos depois, um carro-bomba explodiu no mesmo local do atentado anterior.

Ainda não se sabe se o governador desta conflituosa província sobreviveu ao duplo ataque.

Entre as vítimas, há cinco membros do serviço de segurança pessoal do governador, disseram as fontes, que acrescentaram que alguns dos feridos se encontram em estado de extrema gravidade.

Kashmola saiu ileso de várias tentativas de assassinato contra ele nos últimos meses.

A rede terrorista da Al Qaeda no Iraque ameaçou várias vezes vingar a ofensiva militar que, neste momento, o Exército iraquiano empreendeu contra eles em Ninawa.

A dupla explosão de Mossul é o segundo atentado fatal nas últimas horas no Iraque, depois que pelo menos 15 pessoas morreram em uma Prefeitura da província de Al-Anbar, devido à explosão cometida por um suicida. EFE am/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG