BAGDÁ - A indústria de petróleo do Iraque não será afetada pela suposta entrada de tropas iranianas no país, afirmou um porta-voz do governo iraquiano neste sábado. O Irã nega a incursão no território. A notícia da incursão militar sobre um campo petrolífero iraquiano elevou o preço da commodity na véspera.

Onze soldados iranianos teriam cruzado a fronteira e ocupado o campo de Fakka que fica do lado iraquiano do deserto, na fronteira entre os dois países.

"Este evento...não vai afetar nossa produção e exportação de petróleo", afirmou Ali al-Dabbagh à Reuters TV.

Na sexta-feira, autoridades iraquianas demandaram a saída das tropas iranianas, mas Teerã negou a incursão. Os dois países pediram calma.

Leia mais sobre: Iraque

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.