O governo iraquiano firmou nesta terça-feira um acordo com Grã-Bretanha e Austrália para autorizar a presença das tropas destes países no Iraque após o dia 31 de dezembro, data do fim do mandato da ONU, disse à AFP o porta-voz do ministério iraquiano do Interior.

"O ministro da Defesa, Abdel Qader Mohammed Jassem Obeidi, em nome do governo iraquiano, assinou um acordo com Grã-Bretanha que entrará em vigor no início do próximo ano, até 30 de junho", revelou o porta-voz do ministério da Defesa, Mohammed Al-Askari.

Pelo acordo, a partir de janeiro as tropas britânicas auxiliarão e treinarão as forças de segurança iraquianas, "sem realizar missões de combate", destacou o porta-voz.

Um outro acordo foi firmado pelo embaixador da Austrália no Iraque, Robert J. Tyson, sobre a saída das forças australianas, disse Al-Askari.

mba/LR/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.