ocupar campo de petróleo ; Irã nega - Mundo - iG" /

Iraque acusa soldados iranianos de ocupar campo de petróleo ; Irã nega

BAGDÁ - Onze soldados iranianos entraram na quinta-feira à noite no sudeste do Iraque e ocuparam um campo de petróleo na província de Maysan, na fronteira com o Irã, informou uma fonte do Ministério do Interior iraquiano.

iG São Paulo |

Segundo um porta-voz do comando militar americano, os iranianos cruzaram a fronteira e hastearam uma bandeira no campo de petróleo de Fakkah. Autoridades iranianas negaram as acusações.

O vice-ministro do Interior do Iraque, Ahmed Ali al-Khafaji, que inicialmente subestimou o incidente por ser em uma área abandonada e localizada em um ponto de fronteira sob disputa entre os dois países,  afirmou que a incursão foi a última de uma série nesta semana. Ele também desmentiu informações prévias de que os soldados já teriam voltado ao Irã, afirmando que eles continuam no país.

Questionado sobre se haveria uma resposta militar das forças iraquianas à ação, Khafaji respondeu que o Exército esperava ordens do governo.

O vice-ministro das Relações Exteriores do Iraque, Mohammed Haj Aziz, disse que o governo iraquiano estuda convocar amanhã o embaixador do Irã no país para pedir explicações sobre o ocorrido.

O campo fica a aproximadamente 500 metros da fronteira iraniana e a um quilômetro de um forte iraquiano, afirmou o coronel americano Peter Newell.

Incidentes como esse já ocorreram outras vezes antes na fronteira entre o Irã e o Iraque, que nunca foi claramente delineada após a guerra entre os dois países, entre 1980 e 1988.

Com informações da EFE, AFP, Reuters e BBC Brasil

Leia mais sobre Iraque

    Leia tudo sobre: iraqueirã

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG