Irã se diz pronto para diálogo com os EUA

TEERÃ - O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, disse na terça-feira que o país está aberto a uma mudança fundamental na abordagem dos Estados Unidos e está pronto a um diálogo baseado no mútuo respeito.

Reuters |

O presidente dos EUA, Barack Obama, disse em sua primeira coletiva de imprensa na segunda-feira que vê a possibilidade de uma abertura diplomática com o Irã nos próximos meses, quebrando a política de seu antecessor George W. Bush.

"A nova administração dos EUA anunciou que quer produzir mudança e perseguir o caminho do diálogo", disse Ahmadinejad durante um comício em comemoração ao 30o aniversário da Revolução Islâmica, que levou a relações hostis com Washington.

"Está bem claro que uma mudança real deve ser fundamental e não tática. Está claro que a nação iraniana saúda mudanças reais", disse ele. "A nação iraniana está pronta para manter conversas, mas conversas sob uma atmosfera justa com respeito mútuo."

O Irã celebra a vitória da revolução no dia 22 do mês iraniano de Bahman, que neste ano cai em 10 de fevereiro. Esta data em 1979 marcou o colapso do último governo do xá apoiado pelos EUA, que havia deixado o Irã em janeiro.

Mais tarde no mesmo ano, estudantes radicais atacaram a embaixada dos EUA em Teerã e mantiveram 52 norte-americanos reféns por 444 dias. Washington rompeu relações diplomáticas com o Irã em 1980.

Leia mais sobre Irã

    Leia tudo sobre: irã

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG