Irã quer estender linha de defesa no Golfo Pérsico

Teerã, 27 out (EFE).- O vice-comandante do Exercito do Irã, general Abdul-Rahim Moussavi, afirmou hoje que a linha defesa do Irã no Golfo Pérsico deve ser expandida.

EFE |

"A linha defensiva da República Islâmica do Irã em águas do sul deve chegar além do Golfo Pérsico, do estreito de Ormuz e inclusive do mar de Omã", afirmou Moussavi em declarações reproduzidas pela agência oficial de notícias "Irna".

Moussavi fez seus comentários durante a inauguração da segunda zona marítima do Exercito iraniano, no porto de Yask, no litoral do Golfo Pérsico, no sul do Irã.

"O porto de Yask é uma zona estratégica ao se tratar da entrada para águas do sul do Irã, e a criação desta nova zona marítima incapacitará o inimigo em caso de um possível ataque", disse.

Segundo ele, esta nova zona não era necessária no passado, "mas levando em conta que a ameaça foi além do regional, a Armada iraniana tinha que se fortalecer".

O general Moussavi disse, além disso, que as forças do Exército e o corpo de elite dos Guardiães da Revolução são coordenados e tem estreita cooperação no Golfo Pérsico. EFE msh/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG