Irã pede resposta à sua proposta sobre programa nuclear

Teerã, 14 jun (EFE) - O Irã assegurou hoje que responderá ao conjunto de incentivos apresentado pelo alto representante para Política Externa e Segurança Comum da União Européia (UE), Javier Solana, depois que o grupo de nações ocidentais que negocia com o país seu programa nuclear analisar seu pacote. Os países que negociam com o Irã são as nações que pertencem ao Conselho de Segurança da ONU (Estados Unidos, França, Reino Unido, Rússia e China) e a Alemanha. Segundo a agência iraniana Isna, esta foi a mensagem que o ministro de Exteriores iraniano, Manouchehr Mottaki, transmitiu ao representante da UE em sua reunião desta manhã. Mottaki afirmou que o Governo iraniano está disposto a dialogar com os seis países sobre diferentes assuntos, mas sempre defendendo seus direitos legais. Esta mesma amanhã, o porta-voz do Governo Gholamhossein Elham deixou claro que o enriquecimento de urânio está fora de toda discussão e que seu país não o suspenderá, deixando, assim, sem substância o objetivo da viagem de Solana, já que a proposta de incentivos apresentada ao Irã passava por esse requisito. Segundo a versão da Isna, Mottaki não foi tão taxativo em sua reunião com Solana, e se limitou a elogiar a contraproposta de incentivos que o Irã já apresentou há um mês ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, e também a Solana, e que não teve resposta positiva. O senhor veio hoje ao Irã com um pacote de incentivos. Espera-se que os dois pacotes de propostas (o...

EFE |

Segundo a "Isna", Solana admitiu ter encontrado pontos positivos na proposta iraniana, mas insistiu em incentivar o Irã a estudar de forma completa o pacote apresentado por ele. EFE msh/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG