Teerã, 2 mar (EFE).- O porta-voz do Ministério de Assuntos Exteriores do Irã, Hassan Qashqavi, pediu hoje que o Conselho de Governadores da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) não politize a polêmica sobre o caso nuclear do Irã.

"Diante da clareza dos aspectos jurídicos e técnicos da questão, o Conselho de Governadores não deve se deixar influenciar pela conjuntura política", disse Qashqavi durante sua habitual entrevista coletiva semanal.

O Conselho de Governadores da AIEA reúne-se hoje, em Viena, com o programa nuclear do Irã e as ambições atômicas da Síria como principais pontos a discutir.

Sobre isso, o porta-voz da diplomacia iraniana aconselhou que, se a polêmica for enfrentada só do marco jurídico, existem muito mais possibilidades de chegar a um acordo final.

Todas as atividades nucleares do Irã estão sob a supervisão direta da AIEA e não violam o marco do acordo com este organismo, reiterou Qashqavi.

O porta-voz iraniano também se referiu à usina nuclear iraniana de Bushehr, que, na semana passada, começou a funcionar em testes após dez anos de construção com ajuda russa. EFE msh-jm/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.